Home » Destaques » Caixa sem Papel: CAADF conclui digitalização dos processos

Caixa sem Papel: CAADF conclui digitalização dos processos

A Caixa de Assistência dos Advogados do Distrito Federal (CAADF) digitalizou todos os documentos e processos da instituição. O projeto, chamado Caixa sem Papel, começou em janeiro e foi concluído no início de abril. Até então, 100% dos dados eram físicos e os controles feitos por planilhas. Com o projeto, os volumes foram incluídos em sistema de processos digitais de que a CAADF já dispunha.

Com a migração, a Caixa terá economizado pelo menos 480 resmas de papel até o final do ano, sem contar outros custos envolvidos na execução dos processos físicos. A medida assegura que as informações contidas nos documentos sejam guardadas de forma mais segura, com seu devido registro histórico. Facilitará ainda o trabalho do comitê criado pela OAB/DF para formular o Portal da Transparência da seccional e suas unidades vinculadas.

“A mudança garante segurança das informações que estão nos processos, assegura transparência, traz economia e é ambientalmente sustentável”, comenta o presidente da Caixa de Assistência, Eduardo Uchôa, lembrando que o volume de resmas que serão eliminadas em um ano equivale a cerca de 240 eucaliptos utilizados na produção de papel.

A digitalização dos processos envolveu praticamente todos os funcionários da CAADF. “É uma medida aparentemente simples, mas que afeta uma série de rotinas. O fato de os documentos estarem disponíveis em sistema acessível a todos os funcionários que lidam com os processos otimiza tempo de trabalho e reduz custos desnecessários, sem contar que traz muito mais segurança para a instituição e sua história”, complementa a tesoureira da CAADF, Ana Carolina Franco.